notícias

Com o fim do vazio sanitário inicia o zoneamento agrícola da soja

10/09/2020

Com o fim do vazio sanitário inicia o zoneamento agrícola da soja

O vazio sanitário da soja no Paraná iniciou no dia 10 de junho e se encerra nesta quinta-feira, 10 de setembro, já no estado do Mato Grosso do Sul, o período iniciou em 15 de junho e se encerra no dia 15 de setembro. Dentro deste período é proibido cultivar, manter ou permitir a existência de plantas vivas de soja, emergidas e em qualquer estádio vegetativo.

O engenheiro agrônomo da Copagril, Paulo Brunetto, explica que a ferrugem asiática é a principal doença que afeta a cultura da soja e que pode causar danos significativos na produtividade quando não adotadas medidas de controle. “As ações mais comuns de controle são: aplicação de fungicida, utilização de cultivares de ciclo precoce, época ideal de semeadura, controle de soja ‘guacha’ ao meio da cultura do milho safrinha, entre outras”, descreve. E complementa, “a ferrugem asiática necessita de plantas vivas para sua sobrevivência e o vazio sanitário é uma medida legislativa de controle que busca quebrar o ciclo da doença por meio da ausência do hospedeiro, que são as plantas vivas de soja, retardando as primeiras infecções e danos na safra de soja principal”.

Com o término do período de vazio sanitário, a partir do dia 11 de setembro os produtores já poderão realizar a semeadura da cultura, data em que ocorre também a abertura do zoneamento agrícola da soja para a área de ação da cooperativa no Paraná e Mato Grosso do Sul.

A semeadura é um processo fundamental no estabelecimento cultura da soja, por isso necessita de muita atenção e cuidado, é nesse momento que o potencial produtivo da sua lavoura começa a ser definido, enfatiza Brunetto. Segundo ele o êxito de uma cultura depende da rapidez e uniformidade do estabelecimento da população de plantas desejada, que por sua vez estão diretamente associado ao processo de semeadura, onde fatores como a época de semeadura adequada, umidade e temperatura de solo, preparo do solo, espaçamento e densidade, adubação, velocidade e profundidade de semeadura, associado a qualidade de semente, são decisivos ao bom estabelecimento da cultura.

A equipe agronômica da Copagril está disponível a associados e clientes, para acompanhar e orientar sobre as ações de manejo, da semeadura a colheita. E também nas Lojas Copagril há uma ampla linha de produtos para cada momento da produção. São 22 Lojas no Paraná e Mato Grosso do Sul.


*Conteúdo produzido com a colaboração da área Agronômica da Copagril.

Outras Notícias:


Sede Administrativa
Rua Nove de Agosto, 700
Marechal Cândido Rondon - PR
CEP: 85960-000

Fone: (45) 3284-7500 -
Redes Sociais
SAC
Copyright® Copagril - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade Produzido por BRSIS