notícias

Simpósio de Pós-Colheita debate futura demanda mundial de grãos

30/05/2019

Simpósio de Pós-Colheita debate futura demanda mundial de grãos
Fotos: Carina Ribeiro/Copagril

A Copagril está sediando, desde quarta-feira (29), em Mundo Novo (MS), a 4ª edição do Simpósio de Pós-Colheita de Grãos do Mato Grosso do Sul, evento que seguirá com programação até esta sexta-feira (31), no Pavilhão Católico do centro da cidade. O evento conta com a participação de 30 empresas expositoras e é promovido pela Associação Brasileira de Pós-Colheita – Abrapos, com apoio de universidades, cooperativas, Embrapa Soja, Conab, Associação Comercial e OCB/MS.

A abertura do simpósio contou com a presença do presidente da Abrapós, José Ronaldo Quirino; do prefeito de Mundo Novo, Valdomiro Sobrinho; do diretor-presidente da Copagril, Ricardo Sílvio Chapla; do superintendente da cooperativa, Enoir José Primon; além do coordenador geral do evento, Luiz Carlos Rodrigues.

O público é formado por cerca de 250 profissionais que trabalham na área de recepção, limpeza, secagem, armazenagem e expedição de grãos.

Foco

No primeiro dia de programação, o evento enfocou a futura demanda mundial de grãos e importância do setor de armazenamento, a partir da palestra ministrada pela zootecnista da Copagril, Franciele Navarini Giacobbo, que abordou: "A demanda da cadeia de mercado de grãos para a produção de alimentos".

Durante sua palestra, ela mencionou o crescimento da população mundial, que deve passar de pouco mais de 7 bilhões para 9 bilhões em 2054, segundo a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO). Atualmente, os países mais populosos são China (1,38 bilhão de habitantes), Índia (1,29 bilhão), Estados Unidos (329 milhões), Indonésia (262 milhões) e Brasil (208 milhões de habitantes). Para se ter uma ideia, enquanto a população chinesa cresceu 15% de 1995 até 2018, o consumo chinês de carne cresceu 133%, sendo que o aumento da necessidade de grãos foi proporcional.

De acordo com Franciele Giacobbo, a produção mundial de carnes, que em 2005 era de 262 milhões de toneladas demandava 770 milhões de toneladas de grãos. “Os grãos são os principais componentes para produção de ração para os animais. Além disso, a alimentação representa 68% do custo da produção de carnes”, frisou.

Conforme a pesquisadora, para o ano de 2030 a perspectiva mundial é de produzir 404 milhões de toneladas de carnes (gado, aves, suíno, cabra e carneiro), o que demandará 1.212 milhões de toneladas de grãos. “Considerando uma produção média de 3 toneladas de grãos por hectare, significa que haverá necessidade de uma área extra de 150 milhões de hectares para cultivo de grãos”, acrescenta Franciele.

Diante das estimativas elencadas, a palestrante enfatizou a importância da cadeia de produção e armazenagem de grãos se atentar para a qualidade das operações de pré-armazenamento e armazenamento dos produtos primários. "Para acomodar as 8,1 bilhões de pessoas estimadas para o ano de 2030 e melhorar suas dietas, o mundo terá que aumentar em 40% sua produção atual de alimentos e todos nós, presentes neste evento, temos responsabilidade sobre essa demanda", alertou.

Logo após a explanação dela, houve mais duas palestras sobre "Riscos ocupacionais nas atividades de beneficiamento e armazenamento de produtos agrícolas", proferida pelo engenheiro de segurança da Copagril, Dimas Jose Detoni, bem como sobre "Segurança, um valor que não abrimos mão", com Elvis Pavan Gomes e Diogo Alessandro da Silva, da Cocamar de Maringá-PR.

Programação

Nesta quinta-feira o evento abordará temas como os custos operacionais, de automação e de energia elétrica nas unidades armazenadoras de grãos; uso de caldeiras a cavaco e lenha na secagem de grãos; fatores que influenciam a qualidade de grãos na armazenagem; gestão e controle de qualidade em processos na unidade armazenadora; efeito do grão danificado por percevejos no armazenamento da soja; e sementes tóxicas no armazenamento de grãos.

Já na sexta-feira os temas serão pragas e micotoxinas; métodos preventivos e curativos; e ainda: caracterização da qualidade de grãos de soja colhidos nas safras 2014/2015 a 2017/2018 no Mato Grosso do Sul.

Fotos:


Outras Notícias:


Conversão alimentar na avicultura: menores índices, melhores resultados 24/06/2019 Conversão alimentar na avicultura: menores índices, melhores resultados

A taxa de conversão alimentar é um dos indicadores mais importantes na avicultura moderna. Esta medida de produtividade animal é definida pelo consumo total... ...


Copagril prepara atrativos para Expo Rondon 2019 19/06/2019 Copagril prepara atrativos para Expo Rondon 2019

Durante reunião realizada na tarde desta quarta-feira (19), no Centro Administrativo, lideranças da Copagril trataram sobre os preparativos para os atrativos... ...


Copagril revela nomes dos alunos classificados no Prêmio de Redação do Cooperjovem 19/06/2019 Copagril revela nomes dos alunos classificados no Prêmio de Redação do Cooperjovem

A Cooperativa Agroindustrial Copagril revelou, nesta quarta-feira (19), os nomes dos alunos classificados na etapa local do Prêmio de Redação do Cooperjovem... ...


Plano Safra terá R$ 222,74 bilhões na temporada 2019/2020 18/06/2019 Plano Safra terá R$ 222,74 bilhões na temporada 2019/2020

O Plano Safra para o ciclo 2019/2020 terá R$ 222,74 bilhões em crédito para financiar o custeio e investimento dos produtores rurais do país. O anúncio foi... ...


Localizacação Sede Administrativa
Rua Nove de Agosto, 700
Marechal Cândido Rondon - PR
CEP: 85960-000

Fone: (45) 3284-7500 -
Redes Sociais SAC
Copyright® Copagril - Todos os direitos reservados - Política de Privacidade Produzido por BRSIS